terça-feira, 10 de outubro de 2006

Parabéns Mano

Há um ano atrás, escrevi assim:

"Perdi a conta às vezes que as tuas mãos me ampararam as quedas...

Perdi a conta às vezes que os teus sorrisos fizeram nascer nos meus lábios a vontade de sorrir...

Perdi a conta às vezes que os teus olhos cúmplices me falaram num silêncio absoluto...

Perdi a conta aos versos do Pessoa e do Ary e às melodias do Sérgio e do Zeca que me ofereceste como quem oferece as estrelas...

Perdi a conta aos sonhos que fizeste nascer em mim, às palavras sabedoras com que me empurraste para a frente...

Perdi a conta aos momentos junto a ti que ficaram eternizados em mim...

Perdi a conta às emoções que uso para te descrever...

Perdi a conta às confissões que guardamos a cadeado dentro de nós...

Perdi a conta às vezes que ficaste na sombra para que eu ficasse na luz...



Não digas nada porque hoje é a minha vez de dizer-te tudo aquilo que deve ser dito... e se algum dia a voz me falhar, que fiquem gravadas estas palavras na história de que fazemos parte...

(Que se cale o vento, que se calem os ecos, que se calem as vozes que não chegam a lado nenhum...)



Hoje é a ti que ofereço estas linhas... companheiro do passar das horas, do passar dos anos, do virar das páginas da nossa história...



E que passem muitos mais horas e muitos mais anos... e que estejamos juntos para virar muitas mais páginas de história...



"A noite passada fui passear no mar
a viola irmã cuidou de me arrastar
chegado ao mar alto abriu-se em dois o mundo
olhei para baixo, dormias lá no fundo
faltou-me o pé, senti que me afundava
por entre as algas teu cabelo boiava
a lua cheia escureceu nas águas
e então falámos
e então dissemos
aqui vivemos muitos anos"

Sérgio Godinho, A noite passada"

E hoje pouco mais tenho a dizer... espero que vivas muitos mais e bons anos, sempre com saúde, com um sorriso na cara, e com esse teu jeito sabedor... porque sempre foste um companheiro, um cúmplice.... sempre... estiveste lá desde o dia em que nasci, e foi a ti que presenteei com o meu primeiro sorriso...

Muitos Parabéns Mano, adoro-te!!!




5 comentários:

Gioconda disse...

Lindo !!!!!

Klaudia disse...

Muitos parabéns ao teu mano.
Beijocas

Ísis disse...

Oi!Parabéns ao teu mano!Que ele celebre muitos e muitos anos!
A tua relação com ele lembra-me muito a minha relação com a minha mana =) Adoro-a mesmo...sempre esteve comigo (temos oito anos de diferença,ela é mais velha)e somos inseparavéis!
Beijinhos!
P.S.Ahh...não és a única a ser chorona =P Também tenho essa característica...seja chorar de alegria ou tristeza!Até é algo que gosto em mim ;)

Mafagafinha disse...

Olha só tenho a dizer... que perdi o meu mano há muitos anos... mas vir aqui hoje desencadeou uma nostalgia... é lindo este amor que sentes pelo o teu irmão... é tão lindo que fico triste de não poder disfrutar de uma coisa assim... tão linda!
Parabéns... e mais não digo... porque fiquei sem palavras

Meu mais que tudo disse...

Lindo simplesmente...

Beijos